CRM ou ERP? Conheça as diferenças entre as duas ferramentas e saiba qual escolher

CRM, Energia solar, Inbound Marketing, Leads, Marketing de Conteúdo, Marketing Digital
Vizualizados por 26 pessoas

CRM ou ERP? Conheça as diferenças entre as duas ferramentas e saiba qual escolher.

Ambas as ferramentas trazem muitos benefícios para qualquer empresa de energia solar, mas se no momento é impossível ter as duas, o que seria melhor: CRM ou ERP?

A sigla CRM significa Customer Relationship Management e consiste em um sistema de gestão de relacionamento dos clientes e das vendas, do volume vendido e do faturamento.

Já o ERP corresponde ao Enterprise Resource Planning e é baseado em soluções informatizadas para a gestão dos processos organizacionais, especialmente os processos financeiros, como gestão financeira, contas a pagar, comissões e emissão de contas.

Ainda assim, há pessoas que confundem as duas soluções, procurando as características de uma na outra.

Por isso, hoje produzimos este conteúdo para você entender as diferenças entre CRM e ERP e quando escolher cada ferramenta. Continue a leitura!

Entenda o que é um CRM

O primeiro passo para entender a diferença entre CRM e ERP é ter uma boa compreensão de ambos os conceitos.

CRM é a sigla para Customer Relationship Management, ou gestão do relacionamento com o cliente em português.

Portanto, o CRM é um software que tem como foco facilitar o contato com potenciais clientes, permitindo acompanhar as negociações em andamento em um só lugar.

A ferramenta mantém um registro das interações de cada contato com a empresa. Isso beneficia o trabalho dos vendedores de usinas fotovoltaicas, que podem apresentar abordagens mais personalizadas e persuasivas com base nos interesses e necessidades de cada cliente.

Quais são os benefícios de usar um CRM?

As ferramentas de CRM ganham destaque em um ambiente onde os clientes de energia solar demandam um atendimento de qualidade em todo o processo de compra.

Entenda em detalhes os benefícios do CRM:

  • Controle do processo comercial: com um CRM, a empresa consegue organizar e controlar o processo de vendas em um só lugar, acompanhando o funil de vendas em tempo real. Isso permite saber em qual etapa cada negociação está para direcionar esforços.
  • Dados organizados: empresas que usam planilhas para controlar as negociações em andamento ficam sujeitas a erros e esquecimentos. Afinal, depois de cada ligação, é preciso lembrar de anotar tudo o que foi dito. O problema é que esses desfalques nos dados podem fazer com que vendas sejam perdidas. Com o CRM, por outro lado, informações como histórico de interações e motivos de perda ficam reunidas. Isso também facilita a continuidade do trabalho quando um vendedor sair da empresa.
  • Integração: os bons CRM do mercado permitem integrar diversas ferramentas, como email, calendário e plataforma de Automação de Marketing. Assim, o vendedor não precisa perder tempo alternando entre diversas plataformas. O resultado são vendas melhores e mais rápidas.
  • Foco nos clientes: com os dados registrados e organizados, os vendedores podem focar no que mais interessa, que são os clientes. Eles podem personalizar abordagens, antecipar necessidades, fazer ofertas no timing certo e oferecer um atendimento personalizado. O resultado são clientes fiéis.

Confira mais conteúdos relevantes neste artigo:

Google Analytics: a ferramenta gratuita para análises do seu site

E o que é ERP?

ERP é a sigla em inglês para Enterprise Resource Planning, ou seja, planejamento dos recursos da empresa.

A plataforma ERP possui uma vasta gama de aplicações: é utilizada para a gestão geral de uma empresa de energia solar, integrando dados de diversas áreas como recursos humanos, finanças e contabilidade. Outra característica do ERP é o fato de que pode ser contratado em módulos.

A ideia é que o fluxo de informações da empresa esteja conectado, de modo que essas áreas possam receber informações umas das outras ao mesmo tempo. Dessa forma, é necessário menos esforço de compartilhamento de dados.

Como o próprio nome da ferramenta sugere, o objetivo é reduzir custos e aumentar a eficiência dos processos da empresa.

Quais são as vantagens de usar um ERP?

Algumas empresas de energia solar demoram a adotar essa ferramenta porque sabem que o custo inicial é alto. No entanto, a recuperação do investimento a longo prazo precisa ser considerada, e a plataforma traz economia de recursos e melhoria da eficiência.

Entenda com mais detalhes os benefícios de usar um ERP:

  • Áreas integradas: é comum que empresas tenham departamentos que trabalham de maneira separada, sem se comunicarem entre si. O problema é que isso acarreta em retrabalho, com duas áreas diferentes precisando buscar os mesmos dados, por exemplo. É aí que entra o ERP, que possibilita integrar e distribuir essas informações para todos os interessados. Com isso, a empresa padroniza processos, reduz gargalos e ganha agilidade.
  • Redução de custos: o retrabalho mencionado no item anterior pode representar altos custos para a empresa. Recursos como o tempo dos colaboradores e materiais precisam ser bem aproveitados. Caso contrário, o negócio sentirá o impacto no caixa. Nesse sentido, o ERP permite trabalhar de maneira mais eficiente, automatizando tarefas repetitivas e produzindo mais com menos custos.
  • Ganho de produtividade: com a otimização de processos trazida pelo ERP, a equipe também ganha mais produtividade. A busca de dados de outros setores, a formatação de relatórios e outras ações, antes manuais, são automatizadas pela ferramenta, e os colaboradores ficam com mais tempo livre para focar em tarefas mais estratégicas para o negócio.
  • Decisões com base em dados: o ERP traz relatórios que permitem tomar decisões embasadas mais em números que em achismos. Isso também ajuda a equipe a acompanhar o que está sendo feito e a evitar ações fragmentadas, que pouco têm a ver com os objetivos do negócio.

Confira as vantagens de se trabalhar com tráfego pago e Inbound Marketing no nosso conteúdo: 

Tráfego pago e Inbound Marketing: vantagens de se trabalhar com essas estratégias

Afinal, CRM ou ERP? É preciso escolher um?

Agora você já sabe os conceitos, funcionalidades e vantagens de CRM e ERP.

Como você pode ver, essas plataformas têm propósitos muito diferentes. Enquanto o CRM é projetado para melhorar o relacionamento com o cliente, o ERP se concentra na otimização dos processos operacionais de uma empresa.

Escolher entre um e outro dependerá de suas necessidades atuais.

Quando escolher o CRM?

Quando seu negócio está focado em melhorar a produtividade de sua equipe de vendas de painéis solares e focando em aperfeiçoar o relacionamento com os clientes, o CRM é a melhor escolha.

Aposte no CRM se sua empresa de energia solar precisar melhorar a prospecção e conversão de Leads, entender as necessidades do consumidor e fidelizar potenciais clientes. Com este software, sua equipe de vendas ficará mais ágil e dinâmica, automatizando tarefas manuais e tendo tempo livre para focar no cliente.

Quando escolher o ERP?

Por outro lado, o ERP é ideal para empresas que precisam consolidar dados de diferentes áreas da empresa e ter mais controle sobre essas informações.

Estoque, finanças, compras e vendas são setores que podem se beneficiar.

 

Agora que você já sabe quais são as diferenças entre CRM e ERP, precisa de algum auxílio em escolher qual software usar? Entre em contato conosco!

A Flow Digital possui especialistas em Marketing Digital para empresas de energia solar, que geram estratégias personalizadas em Inbound Marketing para atrair Leads, fidelizar clientes e gerar muitos resultados em vendas de sistemas fotovoltaicos.

Solicite seu orçamento gratuitamente!

 

Nome(Requirido)
Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Como aumentar e melhorar as vendas de energia solar?

Sua opinião é importante pra gente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu